Sobre o Opus Dei

O Opus Dei em São Paulo

Desde o início, o Opus Dei desenvolveu trabalhos para pessoas de todas as profissões, condições e idades. Projetos para atender moças com menos recursos como Veleiros, Moinho e Morro Velho. Centros Culturais para Universitárias, como o Jacamar ou o Vereda, por exemplo, e também atividades para jovens, como as que promovemos no Mirante!

Casa do Moinho
Meninas em atividade na Casa do Moinho

O Opus Dei e os jovens

O fundador do Opus Dei, São Josémaria Escrivá, falava que a mensagem da Obra era nova e velha como o Evangelho. Sempre será uma novidade. Sempre será, de certa forma, revolucionária! O Opus Dei é para todos, mas é normal que tenha uma ressonância especial com os jovens. Os que querem e acreditam que são capazes de ajudar a mudar o mundo!

Nós também acreditamos que os jovens são capazes de transformar toda a sociedade. E para isso, cada um deles precisa se conhecer, enfrentar seus defeitos, ser uma pessoa melhor. É como diz a sabedoria popular: “quer mudar o mundo? Comece arrumando a sua cama!”

Como há muitas famílias em que os pais participam do Opus Dei, é comum que mostrem para seus filhos desde pequenos como é bom viver ao lado de Deus! E para isso, muitas vezes, as famílias se reúnem e preparam atividades em que os filhos podem se divertir de uma forma agradável, ajudando-os a aprender a gostar daquilo que é verdadeiramente bom.

Muitos dos jovens que nascem nestas famílias aprendem a encontrar a Deus no meio de uma roda de amigos, no meio da sala de aula, nos corredores de um shopping, em uma visita de caridade a um hospital. Ou seja, sempre procuram sair de si mesmos e fazer as coisas por amor a Deus.